Meu angulo - Meu corpo

quinta-feira, março 31, 2016


Faz um tempo que participo do grupo Meu Angulo Photoproject no facebook, que é um grupo onde reúne blogueiras que juntas todo mês escolhem um tema para o projeto. Só agora tomei vergonha na cara e vou participar. O tema desse mês foi " meu corpo ", quando li levei um susto e já fiquei com aquele pensamento: e é agora que eu não participo mesmo. Fiquei pensando muito sobre o assunto, vendo fotos como inspiração e imaginando como seria abordar um assunto que não me deixava totalmente confortável. 


Falar sobre o nosso corpo sempre foi um tabu, seja pela nudez, vulgaridade, machismo e preconceitos ridículos. Tudo te faz sentir incomodada pelo assunto, seja a estria aparente, as curvas sobressalentes, aquele gordurinha que não devia estar ali. Será que estão me achando gorda? O que fazer pra esconder essas estrias? Como ser tão magra e bonita como ela? Por que não sou outra pessoa com o corpo melhor do que esta? Ter que retratar esse assunto, logo eu que acabei de ter filho, tive meu corpo (em que tinha um relacionamento até que bom) totalmente modificado. Do nada, uma barriga enorme, peitos enormes, varias estrias e roupas que não cabiam mais. Depois de um tempo que o Nicolas nasceu eu comecei a reparar certas coisas que não iam voltar a ser como eram antes. Como lidar com as mudanças? Como aceitar um corpo diferente do que você estava acostumada? Como amar cada traço novo que se formou?

  

Nesse meio tempo aprendi que esses novos traços contam a nossa historia, tudo o que seu corpo passou no passado. Seja aquela cicatriz de um machucado, um arranhão ou até mesmo no meu caso, um parto. Estrias são marcas que contam como nosso corpo mudou em tão pouco tempo e como fomos fortes por aguentar tudo isso. Todas as curvas desenham nosso corpo de um sejo especial, são linhas únicas. Nenhum desenho é feio ou errado, cada um só mostra aquilo que quer transmitir, aquilo que quer passar pro mundo.
   

O toque é uma das mais intensas maneiras de demonstração de amor. Como viver uma vida sem se amar, amar sua historia, seus traços e suas curvas? Viver é se tocar e sentir que cada pedaço é exclusivo seu, para você, de você!
Amar é aceitar e admirar não só as qualidades como também os defeitos, por que seria diferente em relação a você mesmo? Cada toque, uma sensação e um sentimento diferente. É o ajeitar dos cabelos, o ensaboar do banho, o olhar para o espelho e se abraçar. Abraçar o que você é, o que você tem pra contar para o mundo. Suas marcas, suas curvas, sua historia, seus sentimentos, você! E é só isso o que importa. Tabu e preconceito não devem significar nada na sua vida, esses a gente guarda em uma gaveta velha para o esquecimento. Se aceitar, se amar e entender o que o seu corpo quer contar e mostrar é ser completa. Ser confiante, valente e esperançosa por mais historias, novas curvas, novos traços. Porque o tempo passa e sempre vai passar, tudo muda constantemente. Ame a mudança, faça dela sua melhor amiga. Mude, se renove e sempre ame o que você é.




Fotos por Ed Araujo (namorado/marido)

Espero que tenham gostado das fotos e se identificado com tudo o que falei. Comentem se você tem alguma insegurança com o seu corpo ou se já teve, e como fez para superar. Vou adorar saber a historia de vocês. Beijos, até a próxima!











You Might Also Like

16 comentários

  1. Brigada por esse post. Não tenho bem palavras: apenas obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Engraçado, tenho 17 anos, to grávida e moro na baixada fluminense também. Sempre fui insegura com meu corpo até chegar nos 14 com o corpo que eu amava e agora com a gravidez vou passar por isso de novo. Me identifiquei com tudo que disse e amei. Lindas suas fotos! Parabéns, beijos <3

    www.trasshygirl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Insegurança, que mulher nunca teve né? Amei as fotos e suas palavras, se aceitar e se amar é tudo <3 Parabéns, eu amei :)
    www.charme-se.com

    ResponderExcluir
  4. Ficou muito boa as fotos!!! Parabéns!
    Beijos da Jaque
    meucantinhojaque.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Meniina, que texto lindo, que fotos lindas!
    Muito forte tudo o que você falou. E é a mais pura verdade.

    Parabéns

    ResponderExcluir
  6. Moça que post lindo! As fotos ficaram incríveis e o que você escreveu me tocou muito. Parabéns pelo post e obrigada! Obrigada por ter coragem de mostrar que devemos nos amar da forma que somos e com isso inspirar muitas meninas a ter coragem de se amarem também.

    "Porque o tempo passa e sempre vai passar, tudo muda constantemente. Ame a mudança, faça dela sua melhor amiga. Mude, se renove e sempre ame o que você é." Amei todo o texto principalmente essa parte. <3

    Beijos!
    penultimoandar.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ótima matéria .Todas nós passamos por esse momento de insegurança na vida,seja na adolescência ou na maturidade.Realmente a aceitação é o que importa.

    ResponderExcluir
  8. Realmente a aceitação do corpo após algumas mudanças ainda é um tabu,seja na adolescência ou na maturidade,mas se aceitar é o que importa .Amei o post.

    ResponderExcluir
  9. Ótima matéria .Todas nós passamos por esse momento de insegurança na vida,seja na adolescência ou na maturidade.Realmente a aceitação é o que importa.

    ResponderExcluir
  10. As fotos ficaram maravilhosa!!

    ResponderExcluir
  11. Adorei, sis! Adorei as fotos e principalmente o texto, totalmente forte. Todas nós temos alguma insegurança, a principal é o corpo, se aceitar já é um grande avanço para acabar com ela. <3

    ResponderExcluir
  12. Texto e fotos muito bonitos. Todos os dias lidamos com essas inseguranças, mas quando começamos a aceitar quem somos nos tornamos pessoas mais felizes.

    nadafessoal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Que fotos lindas!! Meu Deus, Tô apaixonadaaaa! ♡
    http://missjesie.blogspot.jp

    ResponderExcluir
  14. Eu tô apaixonada por essas fotos, de verdade! Parabéns pela iniciativa e pela coragem de se deixar fotografar assim, do jeito que veio ao mundo hahah te admiro muito garota, você vai longe!
    PS: e ganhou mais uma leitora fiel!

    irianneveloso.blogspot.com

    ResponderExcluir